Casais relembram histórias de amor contadas no Fantástico em 2012 Quem não se lembra da Natalia, surpreendida por um pedido digno de cinema? E os ingleses que resolveram viajar o mundo em lua de mel?

11:57 Radio Ideal FM 0 Comentarios



Em 2012, o Fantástico contou lindas histórias de amor. Quem não se lembra dos gritos da Natalia, quando foi surpreendida por um pedido de casamento digno de cinema? E aqueles ingleses que resolveram viajar o mundo em eterna lua de mel? Será que continuaram se casando, depois de 24 cerimônias em 17 países?

Desde julho Júnior vai buscar a mulher no trabalho com muito mais frequência. É que desde julho eles são um casal casado.
“Ele consegue mais folgas no serviço, ele fica mais com a gente, com a família, sai para todos os lugares achando que eu vou aprontar alguma coisa”, diz Ana Rita.
Ele nem desconfia, mas hoje Ana Rita vai aprontar de novo. O Júnior nem se recuperou da última! A gente mostrou no Fantástico.
Júnior e Ana Rita moravam juntos há 15 anos. E tudo o que ela queria era casar, vestida de noiva. Mas ele impunha sempre uma “pequena” condição: “Quando você ganhar na Mega Sena eu caso”.
Ana Rita resolveu não esperar. Chamou as amigas, os filhos e até a mãe do noivo para ajudar. E marcou o casamento. Só o noivo que não sabia de nada.
“É o seu casamento”.
“É o que?”, diz Júnior.
“Na hora fiquei paralisado. Você vai para um casamento pensando que é o casamento do seu cunhado, chega lá e é o seu casamento, isso foi um susto muito grande”, conta Júnior.
Ana Rita vai agora com toda a família toda para sacudir o marido mais uma vez. Uma prova de amor eterna.
“Já vai começar já?”
Mas que palavras de amor são essas? É que Ana Rita só viu pela TV o que o Júnior disse para a mãe quando entrou no salão:
“É o seu casamento”, disse a mãe.
“É o que?”, indagou Júnior.
“É o seu casamento”, repetiu a mãe.
“É nada”, disse ele.
“O ‘é nada’ foi diferente do que todo mundo esperava”, declara a mãe de Júnior.
A história de Ana Rita é uma prova de que nunca vamos conhecer todas as palavras de amor.
Quando chegamos nos Estados Unidos, encontramos Peggy, essa caranga que rodou por tantas estradas do Brasil, aparentemente abandonada. Seria esse o seu fim?
Foi em setembro que conhecemos os donos de Peggy. Um casal de ingleses que decidiu rodar o mundo numa quitinete sobre rodas, que dia sim, dia não Alex e Lisa se casavam! Passaram por 17 países. E em Minas Gerais, fizeram juras de amor eterno pela 24ª vez.
Será que não era tão eterno assim? E agora? 24 divórcios em 17 países diferentes? Não.
Dess vez o Fantástico encontrou o Alex e a Lisa numa situação bem diferente. Eles estão hospedados no quarto 910 de um resort em Myrtle Beach, na Carolina do Sul, nos Estados Unidos. De uma quitinete sobre rodas, eles passaram para um apartamento de luxo, com cozinha, uma sala enorme, e um quarto que tem uma vista que... só vendo mesmo.
Ninguém mais deixa eles dormirem no carro! É que Alex e Lisa agora são celebridades.
Do Brasil eles vieram direto para os Estados Unidos, e também viraram notícia.
“Depois disso fomos convidados para casar no Colorado, no Texas e na Louisiana”, conta Alex Pelling, noivo profissional.
“E agora, acabamos de casar cinco vezes, cinco dias seguidos, aqui em Myrtle Beach”, declara Lisa Gant, noiva profissional.
“E convidaram a gente pra ficar nessa suíte presidencial”, conta Alex.
Alex e Lisa encerram 2012 com 34 casamentos. E a cada lua de mel, eles ficam mais perto das estrelas.
Dizem que a primeira vez não se esquece.
“Mas você nunca tinha tido uma árvore de Natal?”, pergunta o repórter.
“Não não. A ideia foi dela, né?”, responde o advogado Kleber Tocantins.
Kleber comprovou que a vida de um homem pode mudar radicalmente - mesmo quando o que muda parece ser só um detalhe aqui e ali. Isso vem acontecendo sistematicamente desde que ele se casou. Embaixo d’água.
Foi em agosto, numa lagoa paradisíaca de Mato Grosso. Anne Karoline entrou com o pai. O cerimonial foi feito através de placas, e os apaixonados perderam o ar na hora do beijo.
Mesmo com um casamento tão diferente, eles fizeram as coisas à moda antiga.
De todos os casais que a gente mostrou no Fantástico esse ano, eles são os únicos que não moravam juntos antes do casamento.
Agora é tempo de aprender. Vida a dois para iniciantes. Curso intensivo com provas diárias.
“É mais essa questão de coisinhas pequenas de espaço, né? É de espaço, que eu brigo com ele”, diz a advogada Anne Karoline Dorileo
“Tudo meu já estava montado, né? Entendeu? E o que eu já tinha montado para mim estava bom”, declara Kleber.
Bom... pra ele!
“O Kleber é bem espaçoso, mas eu já estou conquistando território”, diz Anne.
“Eu nao tinha nem portarretrato! Agora você vê, tem um portarretrato do meu casamento, um da minha afilhada, outro ali e mais um no quarto”, declara Kleber.
“Daqui a pouco eu to enchendo de flores aqui”, diz Anne.
A decoração pode até dar briga. Mas num assunto, não tem discussão. Os dois querem um bebê. Quer dizer...
“Eu quero primeiro um menino, ela na verdade quer uma menina primeiro, né”, diz Kleber.
“E que nome de menino você já tem?”, pergunta o repórter.
“Cauã”, diz Anne.
“Cauê”, diz Kleber.
As mudanças nessa casa estão só começando.
“Fica comigo para o resto da vida?”, pergunta Victor.
“Para sempre”, responde Natália.
“Casa comigo?”, pergunta Victor.
Eles ainda não casaram. Mas o pedido de casamento que o Victor fez para a Natália deu muito o que falar.
“Muito amigo meu veio brigar comigo porque e agora, como é que eu vou fazer, velho?”, diz Victor.
Victor reuniu amigos e parentes pouco antes do dia dos namorados. Sem saber de nada, Natália subiu num carrinho. Os convidados iam aparecendo na frente dela numa coreografia, e quanto mais o carrinho andava mais a Natália gritava.
“A hora que tava saindo o vídeo, o telefone começou a tocar sem parar, todos os telefones da casa, tudo, celular, internet”, conta Victor.
Pudera. Na semana seguinte, eles apareceram primeiro no programa Bem Estar.
“Eu assisti essa matéria domingo no Fantástico e chorei até. E hoje de novo fiquei completamente arrepiada”, disse Mariana, apresentadora do programa.
Depois, os noivos foram convidados do Encontro com Fátima Bernardes.
“Toda vez que eu assisto eu choro”, diz Nathalia.
“E você não sabia de nada”, diz Fátima.
“Não”, declara Natália.
“Olha tem mais gente chorando, tem que trazer lenço!”, diz Fátima.
Mas e o casamento? “Agora em qualquer lugar que as pessoas me encontram, falam assim: ‘E o casamento, quando vai sair?’. Aí eu falo, ‘não gente, calma, tem que comprar primeiro a casa’”, conta Nathalia.
Os noivos agora pedem paciência. Mas prometem um casamento daqueles, à altura do pedido. “A gente quer casar em Portugal, que foi onde a gente se conheceu. Então são planos pro futuro”, revela Natália.
O ano de 2012 está quase acabando e Régis finalmente tomou coragem. Há sete anos, ele e Mariana imaginam o futuro juntos.
Hoje resolveram dirigir 500km, de Maringá até Boituva, para perder o fôlego juntos.
“Por que resolveram vir pra cá?”, pergunta o repórter.
“Eu não resolvi nada. Foi o Régis, que ficou perguntando um tempão ‘Tem coragem? Tem coragem?’”, responde Mariana.
O Régis guarda uma carta na manga. Só vai tirar depois que o avião decolar. “Ela não sabe de nada, né... Vai ser uma surpresa pra ela. Ela acha que a gente vai saltar normal, entendeu”, diz Régis.
O avião já está pronto para decolar. A gente vai subir a cerca de 12 mil pés, 4 mil metros de altura. O que a Mariana não sabe é que alem da emoção do salto, ela vai ter que tomar uma decisão num momento crucial.
Chegou a hora. a porta já foi aberta, a gente está a 4 mil metros de altura.
“Você é boa em tomar decisões, Mariana?”, pergunta o repórter.
“Sim”, diz ela.
“Tá nervoso, Régis?”
“Nervoso pra caramba, cara!”, responde Régis.
“Boa sorte, e que tudo dê certo!”
“Ai que medooo! Ai meu Deus, não!”, diz Mariana.
Tem alguém querendo falar com você, Mariana.
“Mariana, á me ouvindo? Posso falar?”, diz Régis.
“Tô ouvindo”, diz Mariana.
“Você aceita se casar comigo?”, pergunta Régis.
Ouviu? Nao ouvi, o que ele falou?”, Mariana pergunta para o instrutor.
Tenta de novo, Régis.
“Régis, fala de novo!”
“Você aceita se casar comigo, Mariana?”, pergunta Régis.
“Aceito”, responde Mariana.
“Uhuuu, aceitou galeraaaaa”, grita Régis.
Logo eles pousam. Mariana está com a perna bamba.
Regis quer ter certeza. “Não ouvi bem. Você aceita se casar comigo?”, pergunta Régis.
“Lógico”, responde Mariana.
Que 2013 seja cheio de histórias assim.

0 comentários:

Obrigado pelo seu Comentario, seja bem vindo !

Postagem mais recente Página inicial Postagem mais antiga