Especialistas discutem rankings universitários e o acesso aberto na USP

18:53 Radio Ideal FM 0 Comentarios



Especialistas do Brasil e do exterior participam no dia 22 de outubro do Simpósio Internacional sobre Rankings Universitários e Impacto Acadêmico na Era do Acesso Aberto, realizado pelo SIBi – Sistema Integrado de Bibliotecas da USP. Durante o simpósio será lançado o novo Portal de Revistas da USP e a Biblioteca Digital da Produção Intelectual da USP, e será firmado convênio com o Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI). O evento acontecerá no auditório da Faculdade de Administração, Economia e Contabilidade (FEA-USP).

O objetivo do simpósio é discutir o papel dos sistemas de ranqueamento universitário na era de acesso aberto e as mudanças projetadas sobre as atividades científicas e acadêmicas desenvolvidas nas universidades. Segundo a professora Sueli Ferreira, coordenadora do SIBi, nos “últimos anos, os rankings universitários internacionais adquiriram grande importância, influenciando a percepção da qualidade e produtividade das universidades. Por outro lado, o movimento de acesso aberto vem ganhando força ao proporcionar maior visibilidade à produção intelectual das universidades”.

Confirmaram presença os palestrantes internacionais professor Isidro Francisco Aguillo Cano, do Webometrics, professor Vicente Pablo Guerrero Bote, do SCImago Research Group, a senhora Elizabeth Gibney, do Times Higher Education, professor Gregory Gordon, da Social Science Research Network e senhor Aldo de Pape, da Altmetric. A abertura do evento será feita pelo reitor da USP, professor João Grandino Rodas. Estarão presentes também o vice-reitor, professor Hélio Nogueira da Cruz, o diretor do Instituto Brasileiro de Informação em Ciência e Tecnologia do MCTI, professor Emir José Suaiden, , o vice-reitor de Relações Internacionais da USP, professor Adnei Melges de Andrade, o pró-reitor de Pesquisa, professor Marco Antonio Zago, o representante da Escola Técnica de Gestão, professor Guilherme Ary Plonski , além da professora Sueli Ferreira.

Essas discussões se revestem de importância nesse momento em que a USP disponibiliza para a sociedade dois novos espaços para identificação, recuperação e acesso às publicações. Elas são resultantes de suas pesquisas e do trabalho editorial com as revistas cientificas de suas Unidades e programas de pós-graduação. Segundo a professora, esses serviços foram criados visando ampliar a visibilidade e acessibilidade à produção intelectual da Universidade, preservar a memória institucional, potencializar o intercâmbio com outras instituições nacionais e internacionais, certificar o uso de indicadores confiáveis referentes à produção intelectual da USP, e aperfeiçoar a gestão de investimentos em pesquisa, ensino e extensão na instituição.

O novo Portal de Revistas da USP abriga no momento 86 títulos credenciados pelo Programa de Apoio às Publicações Periódicas da USP, dos quais pelo menos 12 apresentam alto fator de impacto nos sistemas internacionais de ranqueamento de revistas. Com cerca de 37 mil documentos, entre artigos, revisões e textos em formato digital, o acesso às publicações é irrestrito. Basta digitar o nome da revista ou um assunto para obter o conteúdo completo de artigos ou textos. A nova versão do Portal apresenta como principais avanços a integração a outros portais de informação da Universidade e novas funcionalidades para os editores de revistas da USP.

A Biblioteca Digital da Produção Intelectual da USP (BDPI) inclui nesse momento mais de 20 mil documentos de autores USP publicados em revistas nacionais e internacionais indexadas na SciELO e na Web of Science no período de 2008 a 2011.  Desse total de documentos, cerca de 12 mil estão com acesso ao texto completo, sem restrições. Para cada artigo indexado, é possível localizar a agência financiadora, o fator de impacto e o índice h da revista, bem como os coautores e respectivas instituições e países de origem. Quando o documento refere-se a um projeto financiado pela Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (Fapesp), é possível acessar seu registro diretamente no site da Agência. Além disso, é possível obter estatísticas de acesso e número de downloads realizados.

Durante o simpósio será firmado também um convênio com o Instituto Brasileiro de Informação em Ciência e Tecnologia, órgão do MCTI, que tornará o SIBi um centro multiplicador do Sistema Eletrônico de Editoração de Revistas (SEER) para a região Sudeste do país. Como decorrência do convênio, estão previstas ações de capacitação para editores científicos no uso da plataforma aberta Open Journal System (OJS), por meio da Educação a Distância. Tais ações contribuirão para a melhoria da qualidade das revistas nacionais.

O simpósio, comemorativo à XV Semana do Livro e da Biblioteca na USP e à Semana Internacional do Acesso Aberto, é dirigido a pesquisadores, reitores, docentes, administradores universitários, profissionais e estudantes interessados nas questões referentes a indicadores científicos e institucionais, qualidade acadêmica, rankings universitários, movimento do acesso aberto à informação e à produção científica. O programa do simpósio pode ser conferido pelo endereço: http://citrus.uspnet.usp.br/sibi/simposio_rankings/index.html

Serviço

Simpósio Internacional sobre Rankings Universitários e
Impacto Acadêmico na Era do Acesso Aberto
Data – 22 de outubro
Horário – 8h30 às 17h20
Local – Auditório FEA 5 – Faculdade de Administração, Economia e Contabilidade – FEA/USP
Endereço – Av. Prof. Luciano Gualberto, 908 –- Cidade Universitária
São Paulo – SP

0 comentários:

Obrigado pelo seu Comentario, seja bem vindo !

Postagem mais recente Página inicial Postagem mais antiga