Sistema Brasileiro de Comunicação Interativa (SBCI) emerge dos debates sobre a segmentação da Radiodifusão Comunitária atual

12:29 Radio Ideal FM 0 Comentarios



Agência FDC - Quem não faz parte da tribo, ouvindo os debates da assembleia do Forum Democracia na Comunicação, em 24.08, e suas conclusões, pode pensar que se trata de um bando de loucos, tal é a diferença entre a cultura de massas e a cultura comunitária emergente no plano público.
A assembleia (28/8) esgotou os itens da pauta, quando deliberou um encontro dos Radiodifusores Comunitários com os candidatos a Prefeito de São Paulo e região (em 27/9) e permitiu concluir que o segmento aponta para a formação de um sistema brasileiro de comunicação comunitária interativa.
Seguindo a ordem dos itens da pauta, o informe da diretoria destacou o estado atual da radiodifusão comunitária, posicionada entre o maior sufoco de sua história, em decorrência da Norma MC 01/2011, e novas e grandes perspectivas de avanço para a articulação do segmento.
As boas perspectivas dizem respeito a parecer da Advogacia Geral da União, favorável a que órgãos públicos patrocinem a radiodifusão comunitária sob a forma de apoio cultural, e a decisões judiciais e de Tribunais de Contas de vários Estados estimulando órgãos públicos na mesma direção.
No segundo item, a discussão sobre a Ação Civil Pública do Ministério Público Federal, em São Paulo, contra ilegalidades do Ministério das Comunicações e da Anatel – ação de animada repercussão no segmento – provocou a deliberação de mais ações serem tentadas, pois sobram motivos.
Nos demais itens da pauta, os debates rolaram em torno de medidas para tornar a modalidade um segmento articulado, sobretudo por meio de webradios – sem o que não virá a sustentabilidade sonhada, – com destaque para a fazer de cada rádio a base de forte núcleo de comunicação comunitária.
Tais núcleos, bem realizados e articulados entre si, disporão, cada, de cinco veículos de comunicação: a rádio, a webradio, a web tevê, o jornal local e a “rede de comunicação interativa pública”. Dentro de cerca de um mês, o primeiro núcleo, com todos esses equipamentos sociais será lançado.
Esses núcleos, de curto prazo, darão ao Município de São Paulo 170 novos veículos de um novo tipo de produção de comunicação – a comunicação realmente interativa, intrinsecamente comunitária, produzida junto com os públicos usuários e tentando fazer de São Paulo uma comunidade de fato.
Ao aglomerado de veículos se juntarão centenas de outros de índole comunitária, como sítios na internet, webradios e webtevês, jornais e revistas de bairro, boletins associativos, lideranças de comunicação, instituições diversas, mobilizando os fones celulares, os bairros, a internet, a cidade.
Inicia-se com participação de sucursais do www.democracianacomunicacao em outras capitais, assim, a gestação do Sistema Brasileiro de Comunicação Interativa.

0 comentários:

Obrigado pelo seu Comentario, seja bem vindo !

Postagem mais recente Página inicial Postagem mais antiga