Abraço-SE e Secretaria da Saúde capacitam radialistas comunitários

08:54 Radio Ideal FM 0 Comentarios



Abraço – SE (Associação Brasileira de Radiodifusão Comunitária de Sergipe) em parceria com a SECRETÁRIA DE ESTADO DA SAÚDE realizaram uma capacitação dia 07 de julho, no Auditório da Escola Técnica José Figueiredo Barreto em Aracaju para todas as Rádios Comunitárias do estado de Sergipe.
A ação da Secretaria de Estado da Saúde e da Associação Brasileira de Radiodifusão Comunitária de Sergipe objetivou capacitar os radialistas, operadores e gestores de rádios comunitárias com o propósito de divulgar informações sobre prevenção, tratamento das DST/HIV/Aids, sífilis e outras doenças infecciosas. Foi discutido também, o papel do radialista comunitário na tarefa de informar e esclarecer a população sobre saúde pública.
Segundo a assistente social da Secretaria da Saúde, Doutora Maria Auxiliadora, ”a epidemia da AIDS tanto no estado quanto a nível nacional tem mostrado múltiplas dimensões ao longo do tempo, sofrendo modificações em seu perfil epidemiológico. Nada mais justo do que com as rádios comunitárias ampliar o debate e tornar público as ações de combate”, concluiu Maria Auxiliadora.
O coordenador do Departamento de Doenças Sexualmente Transmissíveis (DST/AIDS), da Secretaria da Saúde o médico sanitarista, Almir Santana destacou que a AIDS, embora sob controle em Sergipe, deixou de ser uma doença que afeta somente homossexuais e passou a ser uma doença da família. “A epidemia está tomando os ares do sexo feminino. A AIDS virou uma doença da família, não é mais uma epidemia dos homossexuais”, finalizou Almir Santana.
Para o secretário executivo da Abraço-SE, o controle da epidemia do HIV/AIDS e outras DSTs, não deve ser tarefa apenas do agente público, pois é preciso um conjunto de ações articuladas e integradas com os diversos setores da sociedade, para o fomento de parcerias visando a realização de efetivas ações no campo da Promoção, Proteção e Prevenção. “A Abraço Sergipe deve desempenhar um relevante papel neste sentido”, destacou o professor Roberto Amorim.
Tomar de Geru a força da capacitação
A Radio Comunitária Gerú FM esteve presente do curso de capacitação no último dia 07 de julho, representada pelo casal de radialistas comunitários Maria Santos Nascimento e José Nascimento, que contribuíram em todas as etapas da capacitação. J. Nascimento e a esposa desenvolvem na FM Gerú, um programa que é lider de audiência no horário e contem um canal de diálogo com a população local. Conversando com a reportagem da Abraço-Se, ele declarou que as capacitações devem continuar e a FM gerú está disposta a contribuir com o fortalecimento da unidade das rádios sergipanas.
Juventude FM: A Voz do povo de Lagarto
Iran Marcio e Raimundo Celestino representaram a Juventude FM durante o evento de capacitação promovido por Abraço-SE. Os jovens radialistas comunitários despontam como uma revelação no cenário radiofônico comunitário tanto em Lagarto quanto em Sergipe. Os dois contribuíram de forma significativa para a elaboração do Plano de Comunicação e Saúde que está sendo construído pelos próprios envolvidos com as rádios.
Rádio Comunitária Areia Branca
O experiente gestor e radialista José Araujo da FM Areia Branca vem desenvolvendo um trabalho bastante democrático na emissora. Está em seus planos promover ainda este ano uma capacitação envolvendo os colaboradores da rádio e interessados da comunidade da cidade de Areia Branca. Segundo Araújo as dificuldades são muitas, mas, a união de todos por uma mesma causa supera as dificuldades.
MST participa da capacitação
A companheira Verônica de Poço Redondo participou da capacitação representando o MST e se envolveu diretamente na construção técnica no período da tarde do evento. Verônica coordenou os grupos de trabalho e ainda parodiou músicas que possibilitaram enriquecer o evento de forma lúdica. A companheira aparece ao lado de Maria Betânia coordenadora de gênero da Radio Comunitária, A Voz do Paraíso, que também prestigiou o evento.
O Teatro na Rádio A Voz do Paraíso
Com excelente desempenho, o grupo de teatro da Radio Comunitária A Voz do Paraíso de Aracaju apresentou três esquetes com narrativas, representando temas atuais que afetam o cotidiano. A atriz Sandra Rosa atuou com o tema, “o fim da vida”, Michele Marques com “o planeta terra pede socorro”, e Neyrelene Viana com “a agredida”. Os atores se revezam em uma estrutura simples, buscando facilitar o entendimento por parte do público. As esquetes apresentadas se adaptam a qualquer espaço cênico, sem perder a qualidade com as composições dos personagens. Uma linguagem direta e simples, mas sem apelações fáceis e linguagem chula.

0 comentários:

Obrigado pelo seu Comentario, seja bem vindo !

Postagem mais recente Página inicial Postagem mais antiga