ÚLTIMA ENTREVISTA DE MONTEIRO LOBATO

14:08 Radio Ideal FM 0 Comentarios




 

No dia 18/04 é comemorado no Brasil o "Dia Nacional do Livro Infantil". Este dia foi escolhido em homenagem ao nascimento de um dos seus maiores ícones (ou talvez o maior), José Bento Renato Monteiro Lobato, ou simplesmente Monteiro Lobato. Monteiro nasceu em Taubaté no ano de 1882, e veio a falecer em 1948, em São Paulo. Formado em Direito, exerceu por pouco tempo a profissão, pois desde pequeno já manifestava o talento para escrever histórias, talento este que começou a ser reconhecido em 1912, através de artigos enviados ao jornal "O Estado de São Paulo", que após serem reunidos, foram dando origem aos seus primeiros livros.
"Antes de continuar lendo a postagem, siga O Vendedor de Livros no Twitter e curta nossa Fan Page no Facebook, e mantenha-se informado e atualizado sobre o que de melhor acontece no Mundo Literário".  

Monteiro Lobato é considerado o precursor da literatura infantil no Brasil, apesar de antes dele alguns terem tentado, nenhum obteve êxito em conseguir conversar com as crianças por meio dos livros. Emília, Saci-Pererê, Cuca, Dona Benta, Visconde de Sabugosa, Pedrinho, dentre outros, estão entre os personagens infantis mais conhecidos pelas crianças de todo o Brasil. Até hoje sua série "O Sítio do Pica-Pau Amarelo" é vista e lida por milhares de pessoas, de diferentes idades, todos os anos. 
Sua obra é vastíssima, são quase 70 livros editados, fora os contos, artigos e cartas. Apesar de ser considerado um marco da literatura infantil, Lobato escreveu também livros para adultos, entre os principais estão: "O Presidente Negro", "Urupês" e "O Macaco que se fez Homem".
Nesta entrevista concedida ao repórter Murilo Antunes Alves em 1948, da Rádio Record, vocês terão a oportunidade de ouvir um Monteiro Lobato falando de atualidades da época, política e literatura. Chega a ser engraçado o embaraço que ele (Monteiro Lobato) tem diante dos microfones, a ponto de chamá-lo de "canudo". Uma crítica interessante que ele faz, já naqueles tempos, é a da falta de editores de livros.
Esta entrevista é composta em 3 partes e foi a última concedida por Monteiro Lobato, dois dias depois ele veio a falecer vítima de um derrame.


Vou ser sincero pra vocês, confesso que me emocionei um pouco em poder ouvir a voz deste "Monstro das Letras", sou tão apaixonado por livros e tudo que os cerca, que valorizo muito toda e qualquer oportunidade que tenho de poder conhecer e ficar mais perto dos meus ídolos literários e daqueles que ajudaram a construir a História Literária do Brasil, e Monteiro Lobato teve um papel fundamental nesta construção e principalmente na formação de novos leitores.
Deixe um comentário dizendo o que acharam desta entrevista e se já leram alguma obra dele.
"Um país se faz com homens e livros."Monteiro Lobato

0 comentários:

Obrigado pelo seu Comentario, seja bem vindo !

Postagem mais recente Página inicial Postagem mais antiga