“Rádios Livres” é o tema do Programa Alô Comunidade deste sábado

08:32 Radio Ideal FM 0 Comentarios



TELECOM

CONJUNTURA

LITERATURA E MERCADO EDITORIAL

MERCADO DE COMUNICAÇÃO

CULTURA

INTERNET

IMPRENSA & JORNALISMO

AUDIOVISUAL

TELEVISÃO

CIÊNCIA & TECNOLOGIA

INFORMÁTICA

SOCIEDADE DA COMUNICAÇÃO

REGULAÇÃO

POLÍTICA

REDES SOCIAIS

1) (SP) ATO EM DEFESA DAS 237 FAMÍLIAS DA OCUPAÇÃO MAUÁ
2) MISÓGINOS PRESOS EM CURITIBA
3) MÊS DE VÍDEO-DEBATE SOBRE ABORTO
4) LIGA JUVENIL ANTI-SEXO
5) 2º ENCONTRO DE ESTUDANTES LIBERTÁRIXS DO ESTADO DE SÃO PAULO
6) MANIFESTO - A TORTURA CONTINUA

1) (SP) ATO EM DEFESA DAS 237 FAMÍLIAS DA OCUPAÇÃO MAUÁ

ATO Segunda-feira (16/04) - 09h30 - Concentração na Rua Mauá rumo ao
Fórum João Mendes

Matéria completa:
http://www.midiaindependente.org/pt/blue/2012/04/506406.shtml



2) MISÓGINOS PRESOS EM CURITIBA

Após mais de 70 mil denúncias oficializadas à Polícia Federal e
milhares de denúncias não oficiais por parte de feministas, ativistas
do movimento homossexual, anarquistas e hackativistas, dois dos
responsáveis pelo sítio de ódio de Sílvio Koerich foram presos em
Curitiba, no dia 22 de março.

Matéria completa:
http://www.midiaindependente.org/pt/blue/2012/04/506262.shtml



3) MÊS DE VÍDEO-DEBATE SOBRE ABORTO

O CMI Curitiba está com a proposta de realizar cinedebates, que
acontecerão mensalmente. O objetivo é fomentar a discussão dos temas
entre a população.

Matéria completa:
http://www.midiaindependente.org/pt/blue/2012/04/506244.shtml



4) LIGA JUVENIL ANTI-SEXO

Nos dia 4, 5, 6 e 7 de abril foi realziado o evento. Muitas atividades:
palestras, debates, bandas, oficinas, comida vegan, amigxs,
confraternização, trocas, conversas, encontros e muitas coisas que
estamos construindo juntxs. Serão dias muito especiais para nós e para
muitas pessoas que estarão no evento ajudando, compartilhando e
debatendo. Estamos ansiosos!!

Matéria completa:
http://www.midiaindependente.org/pt/blue/2012/04/505975.shtml



5) 2º ENCONTRO DE ESTUDANTES LIBERTÁRIXS DO ESTADO DE SÃO PAULO

Encontro de Estudantes Libertárixs em São Paulo - SP
2º Encontro de Estudantes Libertárixs
28.abril a 1º.maio
Festa dia 27!

Matéria completa:
http://www.midiaindependente.org/pt/blue/2012/04/505823.shtml



6) MANIFESTO - A TORTURA CONTINUA

Manifesto do preso no protesto no clube militar, em 29 de março de
2012, onde militares da reserva torturadores comemoravam o golpe de 64.
Venho, através deste manifesto, apresentar minha visão sobre os
protestos contra o debate "1964 - A Verdade" no Clube Militar, na Av.
Rio Branco, centro do Rio de Janeiro, onde, militares da reserva
comemoravam a ditadura de 1964, que denominadas por eles "revolução".
Outra mentira deles é dizer que o golpe foi dado no dia dia 31 de
março, e não no dia 1º de abril - dia da mentira, por razões
propagandísticas óbvias.

Matéria completa:
http://www.midiaindependente.org/pt/blue/2012/03/505805.shtml

Secretário suspende compras de antenas e softwares da PM de SP

Publicidade
 
DE SÃO PAULO 
O secretário da Segurança Pública de São Paulo, Antônio Ferreira Pinto, determinou a suspensão de todas as compras da PM na área de Tecnologia de Informação feitas desde dezembro de 2011.  PM de SP paga R$ 25 milhões por tablets que funcionam mal  A informação é da reportagem de Rogério Pagnan e Reynaldo Turollo Jr. publicada na edição desta quinta-feira da Folha. Areportagem completa está disponível a assinantes do jornal e do UOL, empresa controlada pelo Grupo Folha, que edita a Folha Segundo o secretário, a decisão ocorreu após "uma série de comentários" e de um relatório apontar direcionamento para compra das antenas e dos tablets. Na lista de compras atingidas estão duas das maiores licitações da PM, que envolvem compras de antenas repetidoras de rádio e de 36 softwares para a inteligência.  A determinação não atinge a compra dos 11.750 tablets por R$ 25 milhões --ela foi feita em 2010. A Folha revelou ontem que os aparelhos não funcionam direito e que chegaram a ser usados sem autorização da Agência Nacional de Telecomunicações.  A PM não se manifestou oficialmente ontem sobre as declarações do secretário.      http://www1.folha.uol.com.br/cotidiano/1074944-secretario-suspende-compras-de-antenas-e-softwares-da-pm-de-sp.shtml

Catarse seleciona projetos sociais para divulgação no movimento A Corrente do Bem

Um dos principais sites brasileiros de crowfunding (financiamento colaborativo), o Catarse é um dos parceiros do movimento colaborativo A Corrente do Bem. Até o dia 26 de abril – Dia Mundial da Boa Ação – a equipe do Catarse selecionará projetos de cunho social, que já estão disponíveis na plataforma, para que sejam divulgados nos espaços on-line de A Corrente do Bem. A proposta é que haja produção de conteúdo entre os parceiros para potencializar a divulgação de “projetos do bem”. A ação é uma das novidades da edição 2012.  
 São Paulo, 16 de abril de 2012 – A edição 2012 do movimento colaborativo A Corrente do Bem conta com uma aliança estratégica com o Catarse, um dos principais sites brasileiros de crowfunding (financiamento colaborativo). A equipe do Catarse selecionará projetos de cunho social que já estão inscritos na plataforma para que sejam divulgados nos espaços on-line do movimento colaborativo (blog, Twitter e Facebook). A proposta é ampliar a divulgação de projetos com viés social que buscam financiamento colaborativo. Essa produção de conteúdo em parceria com o Catarse está alinhada à meta de construir uma espécie de Google do Bem, registrando várias iniciativas sociais em uma ferramenta de articulação social on-line – uma novidade desta edição do movimento A Corrente do Bem.
O movimento colaborativo A Corrente do Bem mobilizará, em 2012, milhares de voluntários em 46 países – pessoas que devem atuar, em especial, em 26 de abril, no Dia Mundial da Boa Ação. O Brasil, que participa pelo segundo ano consecutivo do movimento, trará uma série de novidades, incluindo a construção de um novo modelo de articulação social on-line; um site com um mapa colaborativo voltado a registrar todas as ações desenvolvidas ao longo do ano. A meta é atingir mais de 1 milhão de brasileiros – marca conquistada já na edição do ano passado. A ideia central é mostrar que boas ações são simples, rápidas, divertidas e têm um enorme potencial de transformar a sociedade; ou seja, o impacto social de uma boa ação, de um gesto de carinho ou de uma gentileza gera um fator multiplicador de bem-estar social. Conectar as pessoas é uma das premissas do movimento.
Segundo Livia Hollerbach, uma das coordenadoras de A Corrente do Bem, a parceria com o Catarse serve ao duplo objetivo de fortalecer alianças estratégicas e mapear iniciativas sociais que possam ser destacadas no Mapa do Bem. “A visão que temos é a de que devemos unir forças em torno do objetivo comum de reunir pessoas com interesses similares, que possam construir um sistema de colaboração  mútua para projetos sociais. A Corrente do Bem tem pleno interesse em divulgar os projetos de empreendedores que estão no Catarse; queremos colaborar para dar visibilidade a esses projetos”, detalha.
CATARSE
Criado em 2011 por um grupo de pessoas apaixonadas por crowfunding e dispostas a criar uma via alternativa de financiamento de projetos culturais e sociais no Brasil, o Catarse é um site de crowfunding (financiamento colaborativo), no qual em uma plataforma on-line os empreendedores postam seu projeto e a estimativa de custo para viabilizá-lo; as ideias aprovadas pela equipe do Catarse são divulgadas para que os investidores-internautas possam financiá-lo em um prazo de 60 dias. Em contrapartida, os empreendedores oferecem aos investidores recompensas associadas ao projeto (ingressos, kits, livros etc). Se o total solicitado for arrecadado dentro do prazo, o empreendedor paga 7,5% do valor para o site; caso contrário, os investidores recebem o dinheiro de volta e o autor da ideia não paga nada. A Catarse conta com mais de 180 projetos bem-sucedidos que movimentaram R$ 2 milhões.  www.catarse.me
A CORRENTE DO BEM
Criado pelo australiano Blake Beattie, em 2007, o movimento Pay it Forward Day (A Corrente do Bem) tem como proposta motivar as pessoas a incluir práticas de gentileza e generosidade no cotidiano. Inspirado na obra Pay it Forward, de Catherine Ryan Hyde, a ação chegou ao Brasil em 2011 – por iniciativa de Leonardo Elói e coordenação de Mariana Fonseca e Lívia Hollerbach – com o desafio de mostrar que boas ações são simples, rápidas, divertidas e têm um enorme potencial de transformar a sociedade.
Na prática, o impacto social de uma boa ação, de um gesto de carinho ou de uma gentileza gera um fator multiplicador de bem-estar social. Hoje, a iniciativa está presente em 46 países: Austrália, Estados Unidos, Canadá, Nova Zelândia, África do Sul, Inglaterra, Cingapura, México, Escócia, Irlanda, Itália, França, Fiji, Rússia, Índia, Holanda, Bélgica, Noruega, Argentina, Espanha, Turquia, Síria, Croácia, Bósnia, Herzegovina, Coréia do Sul, Porto Rico, Suécia, Brasil, Costa Rica, Indonésia, El Salvador, Moçambique, Guatemala, Colômbia, Dinamarca, Georgia (Europa), Áustria, Bangladesh, Malásia, República Tcheca, Japão, Kuwait, Taiwan, Belarus (Europa) e Etiópia.
Para concretizar A Corrente do Bem no Brasil houve uma mobilização para a criação de uma rede colaborativa de profissionais e empresas de várias áreas, que atuam como voluntários. Entre os parceiros estão empresas como a Voltage, MIND Marketing Inteligência Digital, Printec Comunicação, Gaia Creative, Monkey Business e Fábio Sevá Design. Entre os profissionais liberais – voluntários que integram a Voltage Ville, rede social da Voltage que reúne jovens influenciadores –estão André Nicolosi, Dorly Neto, Duda Borelli, Eduardo Loureiro, Fábio Abreu, Juliana Jabra, Mariana Nobre, Max Duarte, Mayra Fonseca, Renato Davini, Rogério Leão, Sílvia Guerra, Túlio Custódio e Yentl Delanhesi.

TELECOM

REDES SOCIAIS

POLÍTICA DE RÁDIO E TV

POLÍTICA DE TELECOMUNICAÇÕES

INFORMÁTICA

LITERATURA E MERCADO EDITORIAL

POLÍTICA DE TV POR ASSINATURA

COMUNICAÇÃO COMUNITÁRIA

IMPRENSA & JORNALISMO

SOCIEDADE DA COMUNICAÇÃO

MERCADO DE COMUNICAÇÃO

CONVERGÊNCIA

CULTURA

INTERNET

TELEVISÃO

Publicada pela primeira vez em 1998, obra do professor Bertrand Lira sobre a experiência das rádios livres no Brasil ganha nova edição em formato digital.Doutor em Ciências Sociais e professor de Rádio e TV do Departamento de Mídias Digitais do Centro de Ciências Humanas Letras e Artes da Universidade Federal da Paraíba (CCHLA/UFPB), Bertrand Lira está relançando o livro “No ar: as pequenas notáveis! A experiência de rádios livres no Brasil”, publicado em 1998 pela Editora Marca de Fantasia em pareceria com a Editora Universitária da UFPB.
A novidade é que, com edição impressa esgotada, o relançamento da obra será feita em versão e-book, ou seja, com o mesmo conteúdo da versão impressa, mas digital.Segundo o autor, além da edição impressa estar esgotada, a versão e-book justifica-se por “possibilitar uma maior difusão e barateamento dos custos de produção e aquisição. É a forma mais democrática de popularização de publicações”, defendeu.
A versão e-book da obra de Bertrand Lira pode ser adquirida ao preço de R$ 5,00 (Cinco Reais) pelo endereço eletrônico editora@marcadefantasia.com.
Informações: Rádio Comunitária Zumbi dos Palmares
O programa Alô Comunidade, na Rádio Tabajara da Paraíba (1.110 AM), está cada vez mais envolvendo a população de João Pessoa (PB) no debate sobre a democratização dos meios de comunicação. E neste sábado (14) a partir das 14h, o tema será “Rádio Livre”, entrevistando o professor Ronaldo Eli, além do estudante de comunicação Alexandre Santos, o popular “Beiçola”. Eles irão falar sobre o movimento de rádios livres e comunitárias da capital paraibana, e responderão de onde vem a motivação para continuar produzindo mídias alternativas, que levam informação e cultura aos menos favorecidos.
Os convidados, além de tirar dúvidas dos ouvintes, irão traçar um panorama geral do que é o “rádio livre” em João Pessoa, e como ele atua diretamente com a comunidade. Outro importante tópico a ser discutido é a comunicação alternativa dentro da universidade. As instituições estão formando profissionais de mídia éticos e combativos que atendem a comunidade? Questões como estas, levantarão um bom debate, gerando idéias para contribuir ainda mais com o movimento de Radcom no estado.
O Programa Alô Comunidade é apresentado por Fábio Mozart , Adriana Felizardo e Dalmo Oliveira. A produção é feita pela Rádio Comunitária Zumbi dos Palmares.
Bruno Caetano Da Redação
O Ministério das Comunicações publicou nesta quinta-feira (12), um aviso de habilitação de radiodifusão comunitária para 60 municípios de Minas Gerais. As localidades contempladas ainda não possuem o serviço, e as entidades que se interessarem em executar, tem sessenta dias para se inscreverem.
O aviso será conduzido diretamente pela Delegacia Regional do Ministério das Comunicações em Minas Gerais. Para o coordenador-geral de Radiodifusão Comunitária do Minicom, Octavio Pieranti, isso dará mais comodidade para as entidades que desejam participar, acompanhando os trâmites. Estão previstos para o ano que vem, 13 avisos, totalizando 1.425 novos municípios.
Para conferir a relação completa das cidades, o formulário de inscrição, a documentação exigida e outras informações sobre o aviso de habilitação clique aqui.
Bruno Caetano Da Redação
Informações: Ministério das Comunicações

0 comentários:

Obrigado pelo seu Comentario, seja bem vindo !

Postagem mais recente Página inicial Postagem mais antiga